Publicidades

30/06/2014 | 21:28 | Geral

Cheia do Rio Uruguai começa a atingir Itaqui e Uruguaiana, no RS

Famílias tiveram de ser removidas nos dois municípios da Fronteira Oeste

Famílias da região ribeirinha já são removidas em Uruguaiana (Foto: Peterson Furlan/RBS TV)


Depois de praticamente inundar a cidade de São Borja, a cheia do Rio Uruguai começa a atingir outros municípios da Fronteira Oeste do Rio Grande do Sul. Nesta segunda-feira (30), o nível do rio subiu e obrigou algumas famílias a deixarem suas casas em Itaqui e Uruguaiana.


Em Itaqui, cerca de 200 pessoas tiveram de deixar casas por causa da cheia do rio, segundo a Defesa Civil municipal. O prédio da Receita Federal no município foi invadido pela água, e a travessia de balsa que faz a ligação com a cidade argentina de Alvear teve de ser suspensa.


Em Uruguaiana, as águas do Rio Uruguai começam a invadir casas na região ribeirinha. Pelo menos quatro famílias já tiveram de ser removidas pela Defesa Civil para abrigos públicos. A expectativa do órgão é de que esses números aumentem nas próximas horas. O volume de chuva na região não foi significativo, mas com a descida das águas o Rio Uruguai já está a 10 metros acima do nível normal.


A situação mais crítica na região é em São Borja. Mesmo sem chuva, as águas do rio atingiram 15 metros acima do nível normal nesta segunda-feira (30). Apenas pela manhã, 30 famílias tiveram de sair de casa. Ao todo, mais de 1,2 mil pessoas estão desalojadas ou desabrigadas.


Segundo o último balanço divulgado pela Defesa Civil estadual, o número de pessoas desabrigadas em função das chuvas caiu de 11,5 mil para 7.665 na manhã desta segunda. São 2.285 pessoas desabrigadas, que tiveram de ser removidas para ginásios, centros comunitários e albergues disponibilizados pelo poder público. Já o total do número de desalojados, que estão em casas de familiares, amigos e vizinhos, chega a 5.380 pessoas.

Fonte: G1

Mais notícias desta categoria

07/04/2020 | 15:06

Juntos somos mais!

Publicidades


Mario Junior designer