Publicidades

27/08/2020 | 08:15 | Educação

Mourão defende que pessoas ''que têm condições'' paguem pela universidade pública

Vice-presidente acredita que isso permitiria o custeio de programas de permanência em universidades privadas

"Ouso arriscar que uns 60% que frequentam universidade federal têm condições de pagar", disse o vice-presidente - Marco Favero / Agencia RBS


O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, afirmou ser "um paradoxo" no Brasil o atendimento educacional nas universidades federais para "gente que poderia pagar os seus custos e está recebendo um ensino de graça, posteriormente não devolvendo nada para o País".


— Ouso arriscar que uns 60% que frequentam universidade federal têm condições de pagar —  afirmou o vice-presidente, sem provar os dados. — Um pagamento que eles fizessem serviria para que mais alunos ingressassem no setor privado e, consequentemente, para que aumentássemos o percentual de jovens com ensino superior — disse Mourão.


O vice-presidente defendeu que o pagamento pelo ensino público nas universidades federais poderia gerar recursos para financiar programas de permanência em instituições privadas.  


— É algo que nós temos que pensar hoje seriamente e sem preconceitos porque pagamento a universidades federais poderia ser um recurso canalizado para aqueles jovens que precisam de financiamento pagarem uma universidade privada —  disse. — Seria uma compensação muito justa — completou.


Mourão participou na manhã desta quarta-feira (26) de aula magna a alunos do grupo Ser Educacional.

Fonte: Gaúcha ZH

Mais notícias desta categoria

Publicidades


Mario Junior designer